Chef em casa : como funciona a contratação de um chef para seu evento

 

O Chef em casa é um serviço criado para atender o cliente dentro de sua própria residência, seja para receber amigos, familiares ou até mesmo para oferecer um evento de uma maneira elegante para pessoas do ambiente profissional.

Descubra com este post como funciona um chef em casa e entenda a praticidade e as vantagens de realizar um evento aconchegante, mantendo os benefícios do serviço em um restaurante.

 

quantidade de bebida eventos em casa

Buffet em domicílio: praticidade para um evento elegante e prazeroso

Permite ao anfitrião receber seus convidados como se estivessem em um restaurante. Os pratos possuem a mesma excelência de sabor e requinte e o atendimento mantém a mesma qualidade oferecida pelos melhores nomes da gastronomia.

Escolher a decoração, o tipo de serviço mais adequado de acordo com o que deseja realizar, o menu ideal (os tipos de aperitivos, bebidas e sobremesas), o estilo do evento e outros detalhes importantes.

Você terá ainda contato direto com o chef, que além de oferecer menus requintados poderá fornecer muitas dicas e truques para que vocês possam planejar um evento ainda mais prazeroso.

Como resultado, você proporcionará um momento incrível entre amigos, garantindo maior conforto tanto a você quanto aos convidados e muito mais sabor e descontração.

Realizando um evento em casa

Ao realizar um evento em casa, alguns cuidados devem ser levados em conta para que tudo ocorra como esperado. Veja a seguir.

O número de convidados

A quantidade de convidados é uma informação importante para que sejam definidos outros fatores, como o gasto total da recepção, o tipo de cardápio, como será a organização do ambiente e disposição à mesa, o tipo de serviço ideal (a la carte, à francesa, à inglesa, etc), etc.

O tipo de evento

O anfitrião deve também considerar a caracterização do evento, ou seja, se é uma comemoração casual, se é uma celebração em família, se é um evento formal, corporativo ou empresarial, etc.

A escolha do tema

Escolher um tema facilitará a escolha dos pratos a serem servidos. Mas, fique atento! É interessante optar por temas que agradarão todos os convidados.

Não são todas as pessoas que gostam de pratos regionais (como comida mexicana, culinária japonesa, nordestina, indiana, etc), por exemplo.

As possíveis restrições alimentares

Antes de definir o menu, considere também as restrições alimentares dos seus convidados.

É sempre interessante incluir uma opção vegetariana no cardápio, pois pode acontecer de um ou outro convidado não ingerir carnes, por exemplo.

A duração total do evento

Definir o tempo aproximado de duração do evento auxiliará na escolha do cardápio, das bebidas, garantindo que tudo seja devidamente planejado e farto, evitando desconfortos e constrangimentos para você e seus convidados.

Os tipos de serviços que serão oferecidos

É ideal escolher também quais serviços serão oferecidos (coquetel, aperitivo, entrada, salada, prato principal, sobremesa, bebidas, etc).

O estilo dos convidados

O perfil dos convidados (se são mais próximos uns dos outros, qual a idade média, se são mais extrovertidos ou não, etc) também auxiliará na montagem do cardápio e definição das bebidas, bem como definição do tempo de duração total do evento.

Eventos com muitas crianças devem priorizar um menu mais simples e com poucos ingredientes exóticos, por exemplo. Já eventos realizados para pessoas mais jovens e extrovertidas devem incluir uma quantidade maior de bebidas alcoólicas e um menu mais leve.

A decoração

Uma celebração inesquecível envolve também uma decoração elegante e apresentável. Para isso, é importante caprichar na organização da mesa.

Escolha uma toalha bonita, enfeite a mesa com flores, utilize guardanapos diferentes e requintados e porta-guardanapos individuais.

Saiba conciliar as cores da toalha e das flores e garanta um visual que esteja de acordo com o estilo de evento que deseja realizar, sem pecar pelo exagero e mantendo o seu toque individual.

A escolha do serviço de mesa

Antes de definir o cardápio, é interessante levar em consideração todos os fatores anteriormente citados (número e perfil dos convidados, duração total do evento, tipos de serviços oferecidos e estilo do evento) para que seja definido como o cardápio será servido ― já que existem diversas maneiras. Veja:

Brasileira

Os pratos e travessas são dispostos no centro e os convidados se servem e comem juntos numa grande mesa.

 Francesa

Os convidados permanecem sentados, sendo servidos individualmente pelo garçom.

 Americana

É um serviço mais formal. Os pratos individuais são preparados pelo garçom na cozinha, de modo que o chef possa mostrar sua arte culinária. Eles são servidos individualmente pelo garçom.

 Inglesa

Existem duas maneiras principais. Na primeira, o garçom traz a travessa e serve cada convidado individualmente. O segundo modo é quando o garçom prepara o prato de cada convidado próximo à mesa em que estão sentados, servindo cada um individualmente.

Franco-americano

Assim como um self-service, os alimentos são colocados em rechauds em uma mesa e os convidados se servem à vontade.

Finger Food

Muito comum atualmente, o serviço oferece o alimento em pequenas porções (ou em bowls), que são servidas para cada convidados

Leia mais sobre qual melhor atendimento para seu evento!