Jantar mexicano: tudo o que você precisa saber para montar um!

Organizar uma festa temática é, ao mesmo tempo, excitante e desafiador. Quando a ideia é um jantar mexicano, então, são muitos detalhes a se pensar para que os convidados tenham realmente uma experiência de imersão cultural, concorda?

Foi pensando nisso que elaboramos este post. Nele, vamos apresentar um pouco do México e lhe inspirar com dicas de decoração, pratos, bebidas e outras possibilidades para você montar um evento perfeito. Arriba, arriba!

Jantar mexicano: comece aprendendo sobre o país

O México, ou Estados Unidos do México, é um país localizado na América do Norte. Apesar de estar situado nesse continente e fazer fronteira com Texas (EUA) ao norte e com a Guatemala ao sul, é mais influente nas características culturais latino-americanas, tão predominantes nesse país de colonização espanhola.

Características geográficas

O relevo, composto basicamente de planaltos, contribui para predominância do clima árido e semiárido (quente e seco) na maior parte do país. Logo, em sua vegetação tradicional de deserto, é fácil encontrar muitos cactos e agaves. Em algumas regiões mais baixas e próximas do litoral também é possível encontrar clima tropical.

Características gastronômicas

Herança deixada pelos povos astecas e maias que habitavam a região no passado, o cultivo de grãos no México ainda é uma característica forte, bastante adequada ao clima e ao relevo do país. De sua culinária, então, pode-se esperar a presença de muitos grãos, como o feijão (ou frijoles), trigo e milho.

Além disso, é tradicional o consumo de elementos picantes em locais muito quentes, assim como acontece na nossa Bahia. Isso também vale para o México, pois sua culinária é fortemente marcada por sabores fortes como o do chilli, do jalapeño e do coentro.

Já entre as bebidas, as duas mais famosas são a tequila e o mezcal, ambas destiladas e extraídas do fruto do agave, planta espinhenta do deserto. Seus ingredientes são muito parecidos, mas os preparos distintos são o que as diferenciam.

Características festivas

Independentemente da festa, o mexicano tem sempre uma forma muito animada e colorida de comemorar.

O dia dos mortos celebrado no dia 31 de outubro, por exemplo, é cheio de música, comidas, bebidas e doces para festejar os entes queridos que se foram.

O símbolo maior desse evento, a caveira mexicana, representa a vida e a proteção contra os maus espíritos, pois eles acreditam que os mortos têm permissão para visitar os vivos nesse dia do ano.

Noite mexicana: como preparar a sua

Agora que você já conheceu um pouco mais da cultura mexicana e se inspirou com seus ricos detalhes, chegou a hora de pensar em todos os detalhes necessários para montar uma noite mexicana de sucesso. Siga estas dicas e surpreenda seus convidados!

Planejamento

Antes de separar os itens específicos para montar a sua noite mexicana, é preciso falar deste ponto-chave para qualquer evento, independentemente do tamanho: o planejamento.

Não é necessário dispensar horas e horas de trabalho em planilhas sem fim para se planejar, basta pensar na execução de coisas práticas, tais como:

Criar, com antecedência, um checklist incluindo tudo o que precisa para esse grande dia, ajuda com que nenhum detalhe seja esquecido.

Pense também em formas de aproveitar melhor a presença dos seus amigos. De nada vale reunir pessoas queridas, oferecer-lhes uma festa linda e não poder participar do evento também.

Por isso, considere ter uma pequena equipe de garçons para servir os convidados e um bom chef de cozinha especializado em culinária mexicana.

Nunca utilizou esse serviço? Então conheça as vantagens de se contratar um personal chef e veja como ele pode deixar seu evento ainda mais perfeito!

Decoração

A decoração da sua noite mexicana é o que vai garantir que as pessoas entrem no clima desde o início da festa. Disponibilize acessórios como sombreiros e bigodes para incentivar as sessões de selfies e use balões de papel crepom de vários tamanhos e cores espalhados pela casa.

Distribua também cactos e caveiras mexicanas. Além de terem tudo a ver com tema da festa, ao final, você pode manter as plantas em casa, pois são fáceis de cuidar, conferem autenticidade ao espaço e são excelentes filtros de radiação. Já as caveiras, podem ser  entregues como lembrancinhas para os convidados.

Ambiência

Aqui podemos pensar em aromas e sons. Você e seus convidados não precisam ficar escutando música mexicana o tempo todo caso não queiram, mas montar um playlist com canções assim para momentos como a chegada dos convidados, ou a hora de servir o prato principal, pode ser bem interessante.

Lembre-se que para fazer uma verdadeira noite mexicana é preciso criatividade, disposição e descontração!

Cheiros estimulantes também contribuem para que todos entrem no clima de animação. Por isso, a dica fica em usar incenso, perfumes ambiente ou óleos essenciais em alguns ambientes — lembrando que se trata de um jantar e cheiros muito fortes não relacionadas às comidas podem incomodar os participantes.

Pratos

As comidas mexicanas não possuem muitos segredos, mas podem ter alguns preparos demorados. Se for cozinhar, procure ajuda e reserve um tempo para o pré-preparo.

Veja alguns pratos típicos dessa culinária que não podem faltar em um bom jantar mexicano.

Tortilhas

Uma espécie de pão de folha feita de milho ou de trigo que acompanha o guacamole, a salsa e o sour cream, ou serve de base para os nachos, tacos e burritos.

Guacamole

Creme de abacate salgado com tomate picado, temperado com coentro, cominho, suco de limão, pimenta e sal.

Salsa

Uma mistura de tomates picados, pimenta, azeite, alho e cebola.

Sour cream

Também conhecido como creme azedo no Brasil, esse prato é basicamente uma mistura de cream cheese, limão e sal e acompanha as tortilhas como entrada, junto ao guacamole e a salsa.

Nachos

Prato de tortilhas com queijo ralado derretido por cima e pimenta jalapeño.

Tacos

As mesmas tortilhas mencionadas servem de base para esse prato, desde que estejam com uma consistência mais maleável.

Os tacos são tortilhas recheadas com molhos à base de carnitas (pernil desfiado), feijão, guacamole e de alguns outros recheios. Os tacos são servidos abertos e, na hora de comer, se faz uma “trouxinha”, parecida com o formato de uma meia-lua.

Burritos

Enquanto os tacos são servidos abertos, os burritos são enrolados como panquecas e também possuem diversas opções de recheio, sendo frango o mais comum.

Alegría

Como a cultura de grãos é forte no México e já que servir um docinho no final da festa é elegante e tradicional, esse doce mexicano feito apenas de amaranto (cereal) e mel é bastante recomendado.

Drinques

Aposte em bebidas coloridas, ainda que não sejam tipicamente mexicanas. Afinal, nesse tipo de festa as cores vivas são muito bem-vindas para encher o ambiente de alegria.

Monte também uma estação com os destilados tradicionais do país que são a tequila e o mezcal, com copinhos de shot, limões cortados e sal. Uma boa ideia é montá-la logo na entrada para que os convidados já comecem a entrar no clima!

O importante mesmo em um jantar mexicano é se divertir e aproveitar esse momento na presença de pessoas queridas, de um jeito descontraído e cheio de possibilidades!

E se você gostou dessas dicas e tirou inspiração para montar a sua noite mexicana, aproveite que está aqui e assine nossa newsletter. Assim, você fica por dentro dos nossos conteúdos em primeira mão e recebe dicas para montar outras noites incríveis.